segunda-feira, 18 de maio de 2015

Um dia de telemarketing

Ultimamente eu ando naquela saga de primeiro emprego se inscrevendo em site, querendo ir em feira de emprego e topando qualquer negócio (mentira não estou tão desesperada assim)!

Mas parece que tudo que me cerca leva a TRABALHO, todo mundo começando a trabalhar te leva a pensar "e se?" E sua mãe falando no seu ouvido também, (sim mãe a culpa também é sua, beijos de luz). 

Então um belo dia (mentira, não era tão belo assim), vamos começar de novo.

Então num dia muito frio em que eu só conseguia pensar em dormir, minha amiga virou e disse "você não quer fazer uma entrevista no meu trabalho depois da escola?"

Eu passei a parte da manhã inteira pensando e no final eu topei, confesso que pensei em deixar pra "segunda-feira" ou dizer "posso pensar mais um pouco e ir outro dia?", mas uma das minhas metas é não deixar as coisas pra depois, por que se não acabo nem fazendo hahaha, tipo aquela dieta que a gente deixa pra segunda feira sabe? E nunca começa/faz! 

Então eu fui  e fiquei com tanto medo na entrevista e fiquei mais ainda quando a moça perguntou, "por que eu deveria te contratar?" Enfim eu fui pro treinamento e fiquei muito travada, mas eu já estava ali então tinha de arregaçar as mangas. 
Até que chegou a parte em que eu tinha que ligar pras pessoas dizendo que elas foram escolhidas pra um treinamento preparatório na escola de curso, e vamos combinar: as pessoas não são receptivas.

Resultado, eu nem consegui decorar as falas e bater a meta, que era mais ou menos de "convencer" 10 pessoas por dia. Inclusive desliguei na cara de um cara por que ele foi grosso comigo 
(não sou obrigada)! 

Moral da historia: não desligue na cara de quem liga pra você oferecendo algo, pode ser eu na tentativa de arrumar um primeiro emprego hahaha. 
Enfim no final eu vi o que já estava óbvio, aquilo não é pra mim, mas tudo vale como experiência!



20 comentários:

  1. Mano telemarketing ninguém merece, na verdade trabalhar diretamente com pessoas ninguém merece. Eu ri muito com o post kkkk Boa sorte na sua procurar por um trampo
    Brubs
    O Diário do Leitor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ninguém merece mesmooo hahaha, beijos. <3

      Excluir
  2. Oi, tudo bem?
    Adorei o post, eu ainda não estou na época de procurar emprego, mas pode ter certeza que provavelmente eu irei passar por tudo isso rsrs

    www.fonte-da-leitura,blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Talvez passe, afinal o começo é um pouco difícil mesmo, beijos. <3

      Excluir
  3. Eita, lembro-me das minhas experiências do primeiro emprego. Mas com 15 anos já pode trabalhar? Já tentou se inscrever no Programa Jovem aprendiz? É muito interessante.
    http://www.poesianaalma.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Agora estou com 16 mais vezes pode sim com 15 anos, beijos. <3

      Excluir
  4. Ai Débora, já trabalhei com telemarketing e realmente ninguém merece. Sugiro que faça cursos e preste concurso e falando sério trabalhar em loja de sapato é melhor que telemarketing! Mais se quer um futuro mais seguro é estudar e concurso público na cabeça! Beijos, calma e boa sorte
    http://scraplivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ainda não sei direito oque vou fazer, mas talvez seja uma boa ideia mesmo, beijos. <3

      Excluir
  5. Oii!

    Ainda bem que nunca trabalhei com telemarketing! Dizem que é horrível!
    Espero que consiga um emprego ^^

    Beijos, Kamila
    www.vicio-de-leitura.com

    ResponderExcluir
  6. Oiee ^^
    Aah, como eu queria um emprego, mas Deus me livre em trabalhar com telefones...haha' não gosto nem de atender o meu quando toca, não sei por que, mas morro de vergonha *-* Uma pena que não deu certo para você :/
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sou bem tímida também e isso tornou tudo mais difícil, beijos. <3

      Excluir
  7. Oi, tudo bem?
    O primeiro emprego é difícil principalmente nos dias de hoje. Acho que o mais difícil é encontrar alguém disposto a apostar em você, lhe dar uma oportunidade. Pois se é o primeiro, você não terá experiência, e o mercado é cruel para quem não tem. Mas não desista, boa sorte.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oi, Débora, tudo bem?

    Confesso que ri na parte em que você diz ter desligado na cara de um homem HAHAH.
    Olha, trabalhar nesse ramo não deve ser nada fácil, sem contar nessa meta que, para mim, parece meio difícil de ser alcançada (e deve ser mesmo).
    Uma vez, no Encontro com Fátima, o assunto foi exatamente este. Achei bem interessante.

    Beijo,
    João Victor - Amigo do Livro
    amigodolivro.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É difícil mesmo, eles colocam muita pressão em cima dos funcionários por conta das metas, beijos. <3

      Excluir
  9. hahaha, eu tbm não teria paciência, mas vc é novinha então pode relaxar um pouco mais, rsrsr, na verdade nao gosto de atender telefonemas :p
    Mas então, pode não ter sido uma boa experiencia, mas acho que no fundo deu para tirar algo disso ^^
    www.muchdreamer.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Deu sim, no minimo me rendeu uma historia engraçada hahaha, beijos. <3

      Excluir
  10. Putz... que saco isso, pelo menos descobriu algo que não é p vc rsrs
    boa sorte na próxima
    bjos
    Pah
    Lendo e Escrevendo

    ResponderExcluir